A IA está perto de criar autômatos inteligentes capazes de responder às nossas perguntas com raciocínio humano? No mundo empresarial o desafio é aberto e se joga com a IA vertical: o caso Almawave.

“Há anos lidamos com o tema da inteligência artificial aplicada a agentes conversacionais, vocais ou textuais, prefigurando autômatos inteligentes capazes de responder nossas perguntas de forma exaustiva, simulando eficazmente o raciocínio humano. Mesmo que a tecnologia ainda esteja longe de alcançar resultados verdadeiramente significativos, há muitos exemplos de aplicações para o consumidor que nos aproximam desse cenário. Em primeiro lugar, os agentes conversacionais dos principais dispositivos móveis e de automação doméstica.

No mundo empresarial, a situação é radicalmente diferente. Ser capaz de responder em linguagem natural a perguntas que requerem um entendimento avançado da própria linguagem, contextualizada ao domínio corporativo, e uma capacidade de interrogação de sistemas heterogêneos, é um horizonte de desafios abertos”.

Wired conversa sobre o tema com a CEO Valeria Sandei:Wired conversa sobre o tema com a CEO Valeria Sandei: continue lendo em Wired.it.